segunda-feira, 7 de setembro de 2009

Quarteirão do Soul INTERDITADO! Como assim?!?!?

Salve Povo do BEN!

Numa relax, numa tranquila, numa boa???


Na realidade, muitos não estão tão assim numa relax, numa tranquila, numa boa... fiquei sabendo neste sábado que o Quarteirão do Soul foi interditado, estou de cara até agora, como isso pode acontecer a um movimento tão bacana, espontaneo, vivo e acima de tudo verdadeiro. Ainda estou sem palavras com o ocorrido, vou deixar que a "Dama do Soul" fale para vocês.


"Após ter se inteirado dos fatos, o que passa:
Moradores incomodados com a diversão e talvez, até preconceito "racial", não querem mais o evento no local e na prefeitura, mesmo com tudo legal: sempre temos licença da prefeitura; quando a fiscalização chegou de surpreza, a amplitude sonora estava abaixo do limite máximo.

O horário de término é impreterivelmente 20 horas. Portanto no que diz respeito a lei, estamos regulares. E para piorar , querem enxotar-nos para um "quilombo" bem longe onde ninguém nos veja (rua guaicurus esquina com bahia).

Não podemos permitir que os negros sejam, em pleno seculo 2010 , vítimas de tanto preconceito. Precisamos impedir essa injustiça. Estamos a 5 anos aqui na Goitacazes e nunca houve qualquer ocorrência policial.

No próximo sábado precisamos de vc lá.

Muuuito "obrigado"!

Tania Rodrigues: 86141197"

Veja o Fotodocumentário "Dançando com a Alma" do fotógrafo Walter Silva, no site Clicando a Vida.



Ainda indignado com essa atitude de alguns moradores locais que não valorizam e nem incentivam atitutes livres e espontâneas.

No mais... aquele abrAÇO e espalhe a palavra

Yuga

6 comentários:

Carla & disse...

Antes de mais nada, gostaria de elogiar este Blog, por sinal sério e muito bem produzido. Espero que continuem a produzir esse trabalho e a resgatar o movimento Black Soul. Mas gostaria de pedir permissão para usar este espaço para responder à algumas questões que me incomodaram profundamente ao ler o relato da entitulada "dama do Soul". Sou um dos moradores da rua Goitacazes e fiquei abismado com a forma com que algumas pessoas distorcem os fatos em relação aos acontecimentos ocorridos há pouco tempo, no que tange ao posicionamento dos moradores da área da rua Goitacazes.

Carla & disse...

Antes de mais nada, gostaria de dizer que estive na reunião da prefeitura, junto ao movimento do Black Soul e quarteirão do Soul, presenciando assim, todos os pontos levantados dessa questão.
A reunião, tinha por finalidade, encontrar uma solução para o crescimento do Movimento Black Soul, que já há algum tempo, não vem sendo levado em conta pelos organizadores do evento, começando assim, a trazer alguns transtornos para os moradores da região. Esse movimento até então, estava sendo realizado há aproximadamente cinco anos na rua goitacazes e até o presente ano de 2009, os moradores ainda NÃO haviam se manifestado junto a prefeitura. Isso demonstra que não há nenhum preconceito racial ou social por parte dos moradores. Isso porque, quando o movimento começou eram menos pessoas participando, isto é, o movimento até então estava controlado.

Carla & disse...

O fato do movimento ser legítimo perante a prefeitura, moradores e participantes é que fez com que aumentasse o número de adptos. Em contrapartida, quem conhece esse trecho da rua Goitacazes, sabe que não há a mínima estrutura para comportar o aumento do movimento no local. Isso começou a trazer transtorno aos moradores tais como:
1-"O direito de ir e vir": garantido à todo brasileiro negro, branco, índio ou de qualquer outra raça ou cor. Garantido na constituição federativa brasileira, artigo 5º em seu inciso XV. A rua havia se tornado quase que intrasitável. Não havia policiamento no local.
2- Pessoas urinando em árvores, ruas, muros, ao ar livre. Isso também porque até então não haviam banheiros químicos.
3- Som alto que se estendia até quase 22:00h e que foi amenizado após tratado na reunião que o local seria visitado de surpresa para medição. O fato de não haver boletim de ocorrência até então, era porque alguns moradores de idade avançada tinham medo de que pudessem sofrer alguma retalhação por parte de algumas pessoas que faziam parte do movimento. A fiscalização do som por parte da prefeitura não é todo sábado e não é até o horário de encerramento. Depois das 18:00h, o som aumentava circunstancialmente. O Movimento é bonito e legítimo, mas não quer dizer que todo mundo que faça parte dele seja também. Enfim, fico triste quando as pessoas usam a desculpa do Racismo para acusar outros de posicionamentos legítimos garantidos por lei a todo cidadão brasileiro. Sou branco, mas meus melhores amigos são negros, meu avô era negro, tenho tios negros. Muitas vezes, o maior racista é o próprio negro que se refugia em desculpas como essa da "Dama do Soul" para justificar atitudes irresponsáveis por parte dos organizadores desse evento. Esse local já estava pequeno para o número de pessoas que estavam frequentando. Como um lugar pode receber mil pessoas quando só cabem quinhentas? Era de se esperar que tivessem reclamações.

Carla & disse...

Em nenhum momento a prefeitura ou os moradores colocaram uma imposição quanto ao local do evento. Eles ficaram livres para escolher de acordo com os lugares disponíveis pela prefeitura, que não eram poucos, ou seja, nada parecido com um "quilombo"( postado pela dama do Soul 07/09/09 nesse mesmo Blog). Todo e qualquer movimento, seja ele qual for, deve se organizar conforme o seu crescimento e não pode esperar que as pessoas ou a prefeitura procure um lugar adequado para tal, pois a responsabilidade é de seus organizadores. É necessário que os mesmos procurem soluções e façam um projeto e entreguem a prefeitura. Tenho certeza que isso demonstraria que o movimento é organizado. Mas o que vimos, foi um grupo de pessoas acomodadas que não estavam disposta a mudanças, nem trazer soluções, mas sim apenas levantar problemas e acusações de preconceito. Encerro aqui o meu desabafo e espero que essa resposta seja publicada, o que mostraria uma imparcialidade do Blog. Que o Movimento Black Soul Cresca cada dia mais, mas que também cresça a maturidade de seus organizadores. Obrigado!

Carlos Eduardo
batista-carlos@oi.com.br

www.myspace.com.br/usblacks disse...

O Quarteirão ja faz parte do Brasil.
Parabéns ao movimento.
Abraços.
US Blacks /DF
www.myspace.com.br/usblacks

Fabiana disse...

Bem, eu sou adepta a movimentos culturais, música, diversão. Sou moradora da praça Raul Soares e meus sábados tem sido um INFERNO por causa da altura da música e o horário de término muitas vezes passa das 22:00. Tento estudar e não consigo, meus pais são idosos e não tem sossego. Todos podem se divertir, mas sem agredir os outros.

BlogBlogs.Com.Br